Publicidade

  • Redação

JN nega condição de Bolsonaro e não entrevistará o presidente



A Globo informou nesta sexta-feira (5) que não aceitou a condição colocada pelo presidente Jair Bolsonaro (PL) e, por conta disso, o atual chefe do Executivo não participará da série de entrevistas com os presidenciáveis que vai ao ar no Jornal Nacional no fim deste mês.


A intenção de Bolsonaro era de que a entrevista acontecesse no Palácio da Alvorada, em Brasília, mas a emissora rejeitou o pedido.


De acordo com a Globo, Lula, Ciro e Tebet confirmaram presença na sabatina. Já a assessoria do presidente Jair Bolsonaro teria pedido que a conversa acontecesse no Alvorada. No entanto, apesar de ter realizado a partir de Brasília as entrevistas com Lula, em 2006, e com Dilma Rousseff, em 2014, desta vez a emissora negou a possibilidade.


issora alegou que, depois das eleições de 2014, teria decidido que sempre realizaria as entrevistas de todos os candidatos à Presidência da República em seus estúdios, “de forma a demonstrar que todos os candidatos são tratados em igualdade de condições”.


A Globo ainda informou que, no fim da noite desta quinta, a assessoria de Bolsonaro enviou e-mail reiterando a disposição de conceder a entrevista, desde que ela fosse realizada no Alvorada. A emissora, porém, rejeitou o pedido e, por isso, decidiu que a entrevista não será realizada.


Antes do posicionamento da emissora, o senador Flávio Bolsonaro (PL-RJ) havia usado as redes sociais para confirmar que o presidente Jair Bolsonaro (PL) concederia entrevista ao Jornal Nacional. O chefe do Executivo seria o primeiro a participar da sabatina, no dia 22 de agosto.


De acordo com a Globo, as entrevistas com os candidatos mais bem colocados na pesquisa de intenção de voto divulgada pelo Instituto Datafolha em 28 de julho serão conduzidas pelos jornalistas William Bonner e Renata Vasconcellos, ao vivo, direto dos estúdios da TV Globo, no Rio de Janeiro.


No total, foram convidados os cinco candidatos mais bem colocados na pesquisa Datafolha do último dia 28: Lula (PT), Jair Bolsonaro (PL), Ciro Gomes (PDT), Simone Tebet (MDB) e André Janones (Avante). No entanto, o candidato do Avante desistiu da candidatura nesta quinta e anunciou apoio ao ex-presidente Lula.


*Pleno News

Publicidade