Publicidade

  • Redação

Equipe da Jovem Pan deixa atos em Brasília escoltada

Manifestantes que protestavam contra a eleição de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) no em frente ao Quartel-General do Exército, em Brasília, hostilizaram uma equipe do Grupo Jovem Pan que cobria os atos nesta terça-feira (15).

Identificados com crachás, os profissionais faziam a cobertura ao vivo para o Jornal da Manhã quando os manifestantes se revoltaram com as palavras que foram utilizadas pelo jornalista.


O público pedia para que o profissional falasse a verdade e começaram a vaiar a equipe.

Cinco militares da Polícia do Exército cercaram os profissionais de imprensa e o escoltaram para que eles saíssem em segurança.


Pleno News

Publicidade