top of page

Publicidade

950x250-1 - banner samel.png
  • Redação

Em reunião com empresários do polo de duas rodas, Wilson destaca novas matrizes econômicas para o Am

Gás natural, potássio, turismo e bioeconomia já recebem investimentos no estado


O candidato à reeleição pelo União Brasil, governador do Amazonas, Wilson Lima, destacou as matrizes econômicas viáveis para o estado, durante jantar organizado pelo 1º Encontro Empresarial Abraciclo da Indústria de Bicicletas, na noite de ontem, dia 23 de agosto.


Wilson ressaltou que as novas matrizes são importantes como alternativas à Zona França de Manaus, hoje o principal modelo econômico do estado, que vem sendo que permanentes defendido pelo governador e continuará sendo em um novo mandato, a partir de 2023.


O encontro organizado pela Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares (Abraciclo) foi realizado no Clube do Trabalhador, bairro São José I, zona leste da capital. Participaram empresários do polo de duas rodas que fazem parte das companhias instaladas em Manaus.


A exploração do gás natural no município de Silves e do potássio, em Autazes, a bioeconomia e o turismo são as alternativas apresentadas por Wilson. “Essa é uma apresentação do que a gente está pensando para o presente e para o futuro, o que eu apresentei aqui não é discurso, não é sonho. É o que a gente já está fazendo e já está acontecendo”, disse o Wilson.


O candidato do União Brasil destacou que quebrou o monopólio do gás e estabeleceu um dos mais modernos marcos regulatórios do país. Citou, ainda, que o projeto de exploração do potássio de Autazes está em fase de licenciamento ambiental. Serão gerados 2.600 empregos na fase de implantação e 1.300 empregos diretos e pelo menos 17 mil indiretos na fase de operação.


No Turismo, Wilson destacou o investimento de R$ 60 milhões para a reforma de aeroportos. As obras de Barcelos e Parintins já foram concluídas. Já em Itacoatiara e Pauini, as obras estão em andamento. Em Novo Airão, o projeto está em licitação e em Novo Aripuanã a reforma está em fase de projeto.


Ele também destacou a ampliação das rotas aéreas e a nomeação de turismólogos para 21 municípios, além de 6 mil vagas em cursos de capacitação. Em relação à bioeconomia, Wilson ressaltou que ano que vem vai alavancar as concessões florestais no Amazonas com o lançamento de um edital para prática do manejo sustentável e citou o exemplo bem sucedido de uma madeireira instalada na região do município de Itacoatiara.


Feiras

Antes do jantar, ainda no Clube do Trabalhador, Wilson foi convidado para se reunir com 40 feirantes de Manaus. O deputado estadual delegado Pericles, candidato à reeleição , também participou do encontro.


Faz parte do plano de governo do candidato a construção do complexo da nova Manaus Moderna, incluindo a orla e a feira, bem como da nova Marina do Davi, propostas que foram apresentadas pelo governador na reunião.


Apresentou, também, a construção, no BR-174, do novo Parque de Exposição Multiuso que será a sede da Expoagro a partir de 2023.


Ele citou, ainda, a reforma de 35 mercados e feiras da capital por meio de um convênio no qual a gestão Wilson Lima repassou recursos da ordem de mais de R$ 24 milhões para a Prefeitura de Manaus realizar as obras.


Deuticilan Barreto, feirante da Manaus Moderna, destacou a união entre o Estado e a Prefeitura de Manaus. “Parabéns pelo seu elo com o prefeito. Quando há uma união entre prefeito e governador a cidade anda, o povo deixa de sofrer. Agora quando cada um briga, quando ficam na arrogância, aí a cidade fica na situação que Manaus ficou um dia. Parabéns pelo seu trabalho, pelo trabalho do prefeito, só não vê quem não quer”, disse.


Fotos - Diego Peres

Edição Web - Felipe David

Publicidade

950x250-1 - banner samel.png
bottom of page