• Redação

Em Portugal, Lula diz que vai derrotar o “bolsonarismo”

O presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva (PT) declarou que irá derrotar o “bolsonarismo” que está vivo na sociedade brasileira.


A falta foi dita em Portugal, por onde o petista passou após participar da 27ª Conferência do Clima da Organização das Nações Unidas (COP27) que aconteceu no Egito.



– A gente derrotou o Bolsonaro e ganhou as eleições, mas o bolsonarismo está vivo. Mas vamos derrotá-lo sem utilizar os métodos que utilizam contra nós – declarou.


Lula criticou as manifestações que acontecem contra a sua candidatura há mais de duas semanas em várias partes do Brasil e chamou os atos de “violência da extrema direita”.


As manifestações acontecem pacificamente em dezenas de cidades, onde famílias inteiras pedem às Forças Armadas que impeçam o ex-presidente de tomar posse da Presidência.


– A democracia não é um pacto de silêncio, é uma sociedade em andamento. Mas quem foi derrotado agora não soube perder e terminou em um processo que a gente não conhecia no Brasil: a violência da extrema direita – disse o petista sobre os manifestantes.


*Pleno News

Publicidade

Publicidade