Publicidade

  • Redação

Em Parintins, PC-AM prende dupla por homicídio ocorrido na saída de uma casa noturna

Motivo seria um possível relacionamento extraconjugal que a vítima tinha com um familiar do mandante

A Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), por meio da Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de Parintins (a 369 quilômetros de Manaus), cumpriu, na manhã desta quinta-feira (03/11), por volta das 9h30, mandados de prisão preventiva em nome de Kendson Kataki da Silva e Murilo dos Santos Figueiredo, de 31 e 24 anos, respectivamente, pela prática de homicídio contra Alfrain de Souza Cruz, que tinha 23 anos.


De acordo com o delegado Adilson Cunha, titular da unidade policial, o crime ocorreu no dia 20 de agosto deste ano, por volta das 5h30, na saída de uma casa noturna daquele município, e as prisões aconteceram nas residências dos infratores, situadas nos bairros Da Francesa e Centro.


“Tomamos conhecimento da ação delituosa e logo iniciamos as investigações, ocasião em que identificamos que Kendson seria o mandante e o Murilo o executor. A motivação do crime seria um suposto relacionamento extraconjugal que o Alfrain tinha com um familiar do Kendson”, disse.


Segundo o titular, no dia do crime, Alfrain estava saindo de uma casa noturna, momento em que Murilo se aproximou dele e efetuou dois disparos, acertando a face e as costas da vítima.


“Após o crime, Kendson agiu naturalmente e o Murilo permaneceu sumido por cerca de duas semanas. Na data de hoje, foi possível chegar às localizações deles e efetuar suas prisões”, relatou.


Kendson e Murilo responderão por homicídio e ficarão à disposição da Justiça.

Publicidade