• Redação

Em Coari, agentes da Base Arpão apreendem mais de 1,7 tonelada de pescado ilegal

Pescado estava sem guia emitida do órgão responsável pelo manejo

Agentes que atuam na Base Fluvial Arpão, no município de Coari (a 363 quilômetros de Manaus), apreenderam mais de 1.700 quilos de peixes, da espécie pirarucu, sendo transportados de maneira ilegal. A ocorrência foi registrada na quarta-feira (19/10).

De acordo com o relatório policial, durante abordagem de rotina na embarcação de nome “Só Vale Quem Tem”, por volta de 10h40, os policiais encontraram 39 pirarucus, somando 1.795 quilos, sem a guia emitida pelo órgão responsável pelo manejo de pescado.

Com a apreensão, o prejuízo estimado ao crime é de R$ 36 mil. O responsável pelo pescado ilegal foi encaminhado até a delegacia de polícia da Base Arpão.


Fronteira Mais Segura/Hórus

Dentro das prioridades de combate ao crime organizado, crimes violentos e corrupção, o Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP) fortaleceu a atuação integrada com outros órgãos de Segurança Pública para impedir a entrada de drogas, cigarros, armas e munições pelas fronteiras do país, por meio da operação Fronteira Mais Segura/Hórus.

A ação conta com o efetivo de todo o sistema de Segurança Pública do Amazonas e atua nas fronteiras e rodovias estaduais, além de atuar diretamente na Base Arpão, localizada no município de Coari (a 363 quilômetros de Manaus), e na cidade de Tabatinga (distante 1.108 quilômetros da capital), que faz fronteira entre o Brasil, Colômbia e Peru, reprimindo a rota do tráfico.

FOTO: Divulgação/SSP-AM


Publicidade

Publicidade