top of page

Publicidade

950x250-1 - banner samel.png
  • Redação

Após morte de L7, mega operação coloca mais de 300 PMs nas ruas de Manaus



Manaus/AM - Cerca de 320 policiais militares foram colocados nas ruas na noite desta quinta-feira (23) e madrugada de hoje (24) para reforçar a segurança na cidade e evitar represálias devido ao assassinato de Luciano Barbosa, o "L7", filho do narcotraficante Zé Roberto da Compensa.


A Operação Inquietação é coordenada pela Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM) e visa promover e garantir máxima e efetiva segurança aos cidadãos, combater homicídios, roubos e tráfico de drogas, realizando saturação nos principais pontos da capital.


Além do efetivo de 320 homens, 111 viaturas motorizadas de duas e quatro rodas, um helicóptero, e todo o aparato técnico e operacional da instituição, foram empregados para garantir a segurança da população e evitar novos ataques.


Na tarde de ontem (23), horas depois da morte de "L7", um jovem de 22 anos foi morto com o filho de 7 meses no colo no bairro Compensa.


Ainda não se sabe se o crime pode ter relação com uma possível vingança, mas a SSP trabalha pra evitar novas mortes.


Integram a Operação Inquietação, agentes da Secretaria Executiva Adjunta de Operações (Seaop), Departamento Integrado de Operações Aéreas (DIOA) e Secretaria Executiva Adjunta de Operações (Seai), órgãos vinculados à SSP-AM.


Dentre as tropas militares, estão mobilizadas as Rondas Ostensivas Cândido Mariano (Rocam), Grupamento Rocam Motos, Batalhão de Força Tática, Batalhão de Choque, Companhia de Cães (CIP-Cães), Grupamento de Radiopatrulhamento Aéreo (Graer), Comando de Policiamento Ambiental (CPAmb), Cavalaria.


Holanda

Publicidade

950x250-1 - banner samel.png
bottom of page