Publicidade

  • Redação

Amazonas sem morte por covid há 24 dias e ocupação de UTI cai 80%



Apesar de registrar dois casos da BA.2, da variante ômicron, o coronavírus sinaliza que já não existe como pandemia no Amazonas. Como consequência, nesta sexta-feira (20), o estado completou 24 dias sem registro de morte pela doença.


Trata-se, portanto, de um cenário totalmente diferente do que viveram os amazonenses em igual período de 2020 e 2021. Nesses períodos, os boletins diários da FVS (Fundação de Vigilância em Saúde) espelhavam a dor da tragédia que se abatia sobre o estado, com centenas de mortes diárias no pico das primeira e segunda ondas da covid.


Hoje, graças à adesão da maioria da população do Amazonas à vacina contra a covid, a fase da covid é verde, de risco muito baixo para contaminação e morte pela doença.


Dados da FVS apontam que a população vacinável, acima de 5 anos, está 70% imunizada no Amazonas. Na capital, esse índice é de 78%. E há vacina disponível em Manaus e nos municípios para os que não quiseram se imunizar.


Conforme o órgão, a ocupação de leitos de UTI em Manaus, nas redes pública e privada, caiu 80%. No interior do estado, a taxa de ocupação em leitos clínicos é de 0,46%.


*Com informações da Secom



Leia mais

Ministério da Saúde aprova primeiro remédio para casos leves da covid



Foto: Divulgação/FVS-RCP

Publicidade